Museu do Hóquei

Toronto tem museu dedicado ao hóquei, um dos esportes mais amados da América do Norte

O Hockey Hall of Fame, em Toronto, no Canadá, é um museu inteiramente dedicado ao hockey, ou hóquei, se aportuguesarmos. O museu é um prato cheio para quem visita a cidade mais multicultural do mundo, e não precisa ser exatamente um aficionado pelo esporte de inverno para se divertir.

O Museu do Hóquei de Toronto surgiu logo após a criação de um museu dedicado a um outro esporte, o beisebol. Um dos grandes ex-jogadores de hóquei da história canadense, ‘Cyclone’ Taylor, abraçou a ideia e levantou bandeira para que o local fosse criado.

hoquei2
Foto: Fernanda de Lima / Guia dos Esportes

Em 17 de abril de 1941, foi criada pela Associação de Hóquei Amadora do Canadá (CAHA, sigla em inglês) uma comissão para estudar as origens do hóquei. Entre muitas discussões sobre o verdadeiro berço do hóquei no Canadá, a CAHA e Liga Nacional de Hóquei (NHL, em inglês), concordaram com a construção de um museu do hóquei em Toronto.

Inaugurado oficialmente em 26 de agosto de 1961, o Hockey Hall of Fame, contou com a apresentação do então primeiro-ministro canadense, John Diefenbaker, e do embaixador dos Estados Unidos, Livingston T. Merchant. “Nada como o hóquei para trazer à nação a união e um relacionamento mais próximo entre Estados Unidos e Canadá”, declarou Diefenbaker na abertura do museu no Centro Nacional de Exibições de Toronto.

O museu, no entanto, não foi inaugurado no mesmo ponto em que está localizado nos dias atuais. O que até 1980 estava custando à liga canadense 300 mil dólares por ano, expandiu-se para entreter e interagir diretamente com o público.

Hoje, situado num belíssimo prédio, construído em 1885, na esquina da Younge com a Front, o Hockey Hall of Fame  atrai turistas do mundo todo.

O que você vai ver lá?
A taça da Stanley Cup, a liga de hóquei no gelo mais importante do mundo, é a principal atração do museu do hóquei em Toronto. Além dela, camisas e objetos históricos do esporte estão expostos para o público, acompanhados de muita informação.

Foto: Fernanda de Lima / Guia dos Esportes
Foto: Fernanda de Lima / Guia dos Esportes

O visitante pode também assistir a um filme em 3D em um dos dois teatros disponíveis e se sentir um jogador de hóquei por alguns momentos no rinque de gelo adaptado para o museu. Os brasileiros reconhecerão ainda o famoso pebolim ou totó, mas dessa vez com o disco de hóquei no lugar da bola de futebol.

Foto: Fernanda de Lima / Guia dos Esportes
Foto: Fernanda de Lima / Guia dos Esportes

Quanto custa? 
Público em geral: 18 dólares
Crianças de 4 a 13 anos: 12 dólares
Mais de 65 anos: 14 dólares
Crianças abaixo de 3 anos: entrada gratuita

Onde fica? Rua Younge, 30, Centro, Toronto – Canadá

Fotos: Fernanda de Lima / Guia dos Esportes

Compartilhe:
Fernanda de Lima

Fernanda de Lima

Editora Guia dos Esportes